Como afastar a crise do seu negócio*

Os pequenos e médios empresários são os que mais sofrem em momentos de recessão. E vale lembrar que com a economia em boa situação, três em cada dez pequenas empresas declaram falência em menos em dois anos. Por isso, na atual conjuntura, é preciso ter o dobro de cuidado e atentar-se para questões que podem ajudar a PME a passar por esse período sem grandes danos.

 

O primeiro passo para não deixar que o seu negócio seja atingido é aceitar que o momento é ruim.

Outro ponto fundamental é controlar as finanças. As compras e os serviços contratados precisam ser planejados para evitar que sejam feitos de última hora e saiam mais caro. Também vale acompanhar as tarifas pagas aos bancos, por exemplo, e avaliar se não é possível renegociar algumas taxas.

 

Contudo, nem todo empresário tem conhecimento suficiente para fazer estes controles. Neste caso, peça ajuda. Esta questão é fundamental para a empresa e investir em ajuda externa pode ser uma maneira de lidar com a situação. Contratar um sistema de gestão e automatizar os processos também pode ajudar.

 

E vale ressaltar que as despesas da empresa não devem ser misturadas com os gastos pessoais. Esse é um erro muito comum e que atrapalha a gestão das PMEs.

 

Lembrando que em qualquer negócio o planejamento é fundamental. E para isso é preciso pensar em médio e longo prazo. Afinal, não tenho conhecimento de empreendedores que alcançaram o sucesso sem planejar.

 

Também existem micro e pequenos empresários que acreditam que por terem a própria empresa não há necessidade de continuarem estudando e esse é um erro gravíssimo. Aprimorar os conhecimentos em gestão financeira e também em gestão de pessoas pode ser muito valioso e fazer toda a diferença no alcance do sucesso.

 

E uma última dica que é valiosíssima: conte com bons colaboradores. Não seja centralizador. Ninguém é especialista em tudo. Em áreas mais estratégicas, vale pedir ajuda de fora, como um coach empresarial.

Mas ter bons funcionários e saber delegar as tarefas é muito importante. Pessoas motivadas e engajadas vão agregar conhecimentos e auxiliar nos momentos difíceis. Assim, quando a empresa ascender, todos crescerão juntos.

 

Ter o próprio negócio não é uma tarefa fácil. Por isso, é preciso preparar-se para enfrentar os momentos difíceis e também para crescer. Estude, aprenda com seus erros e, se sentir necessidade, peça ajuda.

 

*Por Vera Lima, business coaching da ActionCOACH – empresa líder mundial em business coaching para pequenas e médias empresas e primeira franquia de coaching no Brasil. Mais informações sobre coaching podem ser obtidas no link: http://actioncoach.com.br/Link_ebook

logo conecte 2014 conteudo

Cliente: ActionCoach